Príncipe na rota da Astronomia

1919_eclipse_negativeA 29 de Maio de 1919 o astrónomo inglês Arthur S. Eddington confirmou, na ilha do Príncipe, pela primeira vez no Mundo, a Teoria da Relatividade Geral, do físico alemão Albert Einstein. A expedição de A. Eddington foi, nessa oportunidade, apoiada com grande entusiasmo pelo Observatório Astronómico de Lisboa, pelas autoridades portuguesas e até pela população da ilha. Aproveitando um eclipse total do Sol, registou-se, então, a deflexão da luz…

Agora quando se aproxima o 90º aniversário desse acontecimento científico, prepara- -se a sua comemoração! Na iniciativa está envolvida a Sociedade de Geografia de Lisboa (SGL), o Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas, o Centro Multidisciplinar de Astrofísica, as Universidades do Algarve e da Beira Interior, o Observatório Astronómico de Lisboa e a ONG de jovens cientistas portugueses chamada Associação Cientistas no Mundo (SiW).

Em Lisboa, a SGL vai organizar um ciclo de conferências, a 21 e 22 de Maio. Seguir-se-á uma deslocação à ilha do Príncipe, onde, a 29 de Maio, será descerrada uma lápide evocativa na roça Sundy, o local das observações de Eddington. Também em STP serão proferidas duas conferências, uma a cargo da SGL e a outra da Royal Astronomy Society, do Reino Unido. Por sua vez, em STP, a ONG SiW vai promover o seu projecto de ensino científico e de criação de laços de cooperação com os professores de física dos PALOP. Por fim, o Observatório Astronómico de Lisboa organizará, igualmente a 29 de Maio, uma palestra e uma exposição de documentos relacionados a expedição de Eddington, nomeadamente “chapas fotográficas com magníficas protuberâncias solares”.

Uma resposta a Príncipe na rota da Astronomia

  1. […] em 29 de Maio de 1919… Passam hoje 90 anos sobre as observações de Arthur S. Eddington, na ilha do Príncipe, que aí confirmou pela primeira vez no Mundo a Teoria da Relatividade Geral, de Albert Einstein.   Leia mais sobre as comemorações carregando aqui! […]

%d bloggers like this: